Hidroterapia Constitucional

é uma intervenção terapêutica que desintoxica os sistemas e os traz de volta ao seu equilíbrio natural.
A Hidroterapia Constitucional melhora a circulação e o metabolismo dos órgãos digestivos e aumenta o nível de oxigénio na corrente sanguínea.

Benefícios da Hidroterapia

Melhoria do

sono

Melhoria da função intestinal

Aumento no nível de energia

Redução da

dor crónica


O Tratamento

o paciente é coberto com toalhas quentes que são aplicadas sobre a parte superior do tronco. Seguidamente é envolvido e coberto com várias camadas de cobertores. Uma vez a pele aquecida, vão-se trocando as toalhas quentes por frias. O corpo, bem preparado pelo calor precedente, reage a esta mudança de temperatura aumentando extremamente o fluxo de sangue à pele e aos órgãos internos do peito e do abdomen.

A Hidroterapia Constitucional, criada pelo naturópata americano Otis G. Carrol em 1908, é uma intervenção terapêutica que desintoxica os sistemas e os traz de volta ao seu equilíbrio natural. A aplicação alternada de calor e frio, aumenta o número de glóbulos brancos e potencia a capacidade do corpo de lutar contra infecções e doenças. Uma vez que os nervos na pele estão ligados ao sistema nervoso central, o tratamento calor/frio pode ajudar, também, a restabelecer as funções neurológicas normais. A Hidroterapia Constitucional melhora a circulação e o metabolismo dos órgãos digestivos e aumenta o nível de oxigénio na corrente sanguínea.
A maioria das pessoas já tem usado, empiricamente, a hidroterapia quer em blocos de gelo para um tornozelo torcido, quer a compressa quente para dor de sinusite, ou o banho quente para um caso de gripe com dores e calafrios. Todavia, existem dezenas de outras técnicas específicas de hidroterapia, mas desconhecidas para a maioria das pessoas.
A hidroterapia constitucional é uma técnica especial que melhora muito a recuperação de muitas doenças, agudas e crônicas, como fadiga, artrite, bronquite, intoxicação alimentar, doenças cardíacas, gripe e constipação crônica para citar alguns. Ela tem sido utilizada, com sucesso, por milhares de especialistas no tratamento de muitas doenças, em hospitais e clínicas.
Hidroterapia age para estimular a força de cura do próprio corpo. Durante o tratamento, o paciente encontra-se confortavelmente sobre uma mesa macia enquanto toalhas quentes são aplicadas sobre a parte superior do tronco. A pessoa é então envolvida em uma folha e coberta com várias camadas de cobertores. Uma vez que a pele é aquecida, uma única toalha fria é trocada pelo aquecido. O corpo, bem preparado pelo calor precedente, reage a esta mudança de temperatura aumentando extremamente o fluxo de sangue à pele e aos órgãos internos do peito e do abdômen. Pesquisadores de hidroterapia demonstraram que um aumento reflexo no fluxo sanguíneo ocorre em órgãos internos quando a circulação para a pele sobreposta é estimulada. É esta reação interna que é responsável pelos efeitos duradouros e cumulativos de uma série de tratamentos de hidroterapia. A investigação mostrou, ainda, que os efeitos benéficos sobre o sistema imunológico pode durar até 24 horas tornando esta uma terapia muito eficaz para qualquer desordem envolvendo função imunológica. Algumas modificações podem ser feitas durante a terapia, dependendo da capacidade de as pessoas reagirem a ela e do tipo de doença a ser tratada.
Os benefícios da hidroterapia constitucional traduzem-se numa melhoria do sono, melhor digestão e função intestinal, um aumento no nível de energia e uma redução na dor crónica. Muitos dos nossos pacientes têm encontrado extremamente benéfico para combater o início precoce de um resfriado ou gripe ou, apenas, como um tratamento para fazê-los sentir melhor, após um período stressante da sua vida.